SERVIÇOS

Nosso objetivo é identificar oportunidades legítimas de tributos pagos a mais e que ainda podem ser aproveitados na dedução de tributos de mesma espécie ou na compensação de tributos de mesma natureza. Possuímos uma metodologia e ferramentas próprias, desenvolvidas ao longo de nossas experiências. Portanto, nesses trabalhos contamos com duas fases: diagnóstico e trabalho de campo.

Na primeira, efetuamos um levantamento por amostragem, onde apresentamos as oportunidades identificadas e sua fundamentação legal. Na segunda fase, agendamos junto ao cliente uma data para efetuarmos o levantamento de toda documentação comprobatória dos créditos identificados, passíveis de recuperação em conta gráfica.

É de se ressaltar que todo trabalho é custeado pela Urbi Et Orbi, Consultoria e Assessoria, pois nossos honorários são proporcionais ao êxito alcançado, mediante percentuais previamente acordados. Contamos com um grande número de empresas-clientes onde já realizamos essa Consultoria Tributária e as quais puderam usufruir de expressivos valores para dedução ou compensação de tributos.

ICMS E IPI RECUPERAÇÃO DE CRÉDITOS EXTEMPORÂNEOS

Através de uma análise minuciosa de toda a escrituração fiscal durante o período abrangido, identificamos os créditos possíveis, na aquisição de insumos, mercadorias adquiridas para comércio ou bens do ativo, energia elétrica, fretes, por ocasião da escrituração que, por algum motivo, deixaram de ser aproveitados.

PIS/COFINS REGIME NÃO CUMULATIVO

Recuperação dos créditos de PIS e da COFINS não apropriados nas aquisições de mercadorias pelo regime não cumulativo, como energia elétrica, aluguel, fretes, armazenamento, serviços prestados por pessoas jurídicas no país e outros, conforme estabelecem nas leis nº 10.637/02, 10.833/03, 10.865/04 e alterações, e possíveis retenções não compensadas na apuração.

CRÉDITOS PREVIDENCIÁRIOS

RAT/FAP: Os serviços de recuperação de encargos previdenciários no que tange à apuração do Risco Acidente de Trabalho (RAT) e do Fator Acidente Previdenciário (FAP) serão realizados através de procedimento administrativo, mediante retificação das informações mensais do período em que se vislumbra a possibilidade de restituição nos moldes da IN 900/2008 da RFB e orientação contida no Manual do SEFIP. Serviços - Recuperação de Créditos.
REFIS: Os serviços de recuperação de encargos previdenciários no que tange aos REFIS serão realizados através da verificação dos parcelamentos realizados anteriormente, averiguação das modalidades, bem como a conciliação dos pagamentos realizados naqueles parcelamentos com a consolidação dos valores informados nos parcelamentos em vigor (procedimentos normais e especiais), buscando a redução da dívida existente, se for o caso.

RECUPERAÇÃO DE CONTRIBUIÇÕES PREVIDENCIÁRIAS INCIDENTES SOBRE VERBAS DE CARÁTER INDENIZATÓRIO

Auditoria com vistas a identificar a incidência de contribuição previdenciária sobre parcelas indevidas, tanto no Regime Geral de Previdência Social, quanto no Regime Próprio de Previdência dos Servidos Públicos.

AUDITORIA NOS PARCELAMENTOS PREVIDENCIÁRIOS DO REGIME DE PREVIDÊNCIA SOCIAL E DOS INSTITUTOS PRÓPRIOS DE PREVIDÊNCIA

O foco a revisão de débitos prescritos e com acréscimos legais indevidos, tanto no regime geral, quanto no regime próprio de previdência.

REVISÃO E RECUPERAÇÃO DO VALOR ADICIONADO FISCAL – VAF

Assessoria e consultoria para o acompanhamento e revisão de declarações/índices do Valor Adicionado Fiscal, apurado pela Secretária da Fazenda do Estado, com base em declarações transmitidas, das quais as operações/prestações foram realizadas no território do Município, cujos valores são utilizados para formação do Índice de Participação do Município na receita de ICMS arrecadada pelo Estado.

NFS-e - Nota Fiscal de Serviços Eletrônica

A ferramenta Nota Fiscal de Serviços Eletrônica - NFS-e compreende:
  •  online, moderna, inviolável.
  •  Controle em tempo real das movimentações econômicas/em formato digital.
  •  Modelo conforme o padrão nacional.
  •  Consulta pública da autenticidade das notas emitidas.
  •  Redução de custos de impressão e armazenamento.
  •  Envio automático das notas por e-mail.
  •  Serviço de hospedagem em Data Center de alta disponibilidade.
  •  Consulta e reimpressão da NFS-e.
  •  Emissão de NFS-e através de smartphones e tablets.
  •  Integração com os sistemas de gestão dos contribuintes.
  •  Exportação da NFS-e em xml.

Para consulta de notas de serviços contratados
  •  Busca inteligente de notas recebidas.
  •  Envio de notas por e-mail.
  •  Exportação da NFS-e em xml.
  •  Relatórios gráficos com os dados consolidados

Missão, Visão e Valores

Missão

Desenvolver pessoas a partir do aprimoramento de conhecimentos, habilidades e atitudes para alcançarem o sucesso.

Visão

Fazer com que as pessoas saiam engajadas e entusiasmadas com o processo de desenvolvimento.

Valores

  • Integridade
  • Comprometimento
  • Excelência
  • Sustentabilidade
  • Desejo de servir

Você sabia?

Municípios aumentam arrecadação ao optarem pelo convênio do ITR

Municípios que antes recebiam 50% do montante arrecadado do Imposto Territorial Rural (ITR) passarão a ter direito a toda a arrecadação do Imposto. De acordo com publicação da Secretaria da Receita Federal do Brasil (RFB), no Diário Oficial da União (DOU) no último dia 10 de setembro, mais dezessete Municípios optaram pelo convênio do ITR.

Os Municípios que não fizerem a opção têm direito a 50% do valor arrecadado, e a outra metade pertence a União. A Confederação Nacional de Municípios (CNM) explica que para muitos Municípios, principalmente os de pequeno porte, a arrecadação poderá igualar ou superar o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU).

A CNM alerta, porém, que após adesão do convênio o Município torna-se responsável pela fiscalização e cobrança do ITR. Para tanto, é preciso que o prefeito indique o servidor concursado no Município com atribuição de fiscalização e lançamento de crédito, que deverá participar do treinamento ministrado pela Escola de Administração Fazendária (Esaf).

O ITR é um dos impostos mais sonegados do país e isto ocorre em virtude da falta de fiscalização, a CNM acredita que as ações de aderir e fiscalizar, o Município terá aumento significativo de receitas. A lei, que regulamentou a transferência integral do ITR para os Municípios e o Distrito Federal, é uma das conquistas da CNM.